Sabe tão bem!


Quando vais ao café da tua tia com o objectivo de ir apenas tomar café. E acabas sem tomar café porque as tuas primas de 8 anos te raptam para brincar com elas. E acabas a noite na cozinha, com a família (mãe, tia, duas tias avós, duas primas, uma mais velha e outra mais nova uns aninhos) só de mulheres, a jogar stop numa versão em que o z e o w não tem soluções mas inventam-se. Sabe tão bem!

Repararam nas pequenas alterações? Querem perceber o porquê das flores? Leiam mais....
Os Amores-Perfeitos, minhas flores preferidas, são para a etiqueta Nárnia, ou seja, para coisas aqui do blog e blogo, assim como para coisas minhas... devaneios.
As Dálias, associo à personagem com o mesmo nome de TO, são para as pessoas de quem não gosto, em quem não confio e afins...
As Geribérias, minhas segundas flores preferidas super lindas, são para as amizades.
A Lavanda, flores da qual não gosto nada, são para os momentos/dias menos bons.
Os dentes-de-leão, que para mim são uma coisa super fofa, são para os desafios e desejos por realizar e realizados.
As Flores de Cerejeira, também incluídas nas minhas favoritas simplesmente adoro, são para a universidade e coisas relacionadas.
As Margaridas, simples e delicadas mas frescas, são para o verão!
As papoilas, que associo a gente fofa, são para o coro.
As Rosas, são para a minha família, simples assim.
O Azevinho, como não poderia deixar de ser, é para o Natal.

9 comentários:

  1. r; para que isso aconteça, tens que te revelar também :s*

    ResponderEliminar
  2. É mesmo uma maravilha passarmos tempo de qualidade com quem nos faz tão bem
    Gostei da ideia que tiveste! Adoro amores-perfeitos, são das minhas flores favoritas, papoilas, rosas e dentes de leão.

    r: Sim, sem dúvida *.*

    Normalmente, neste género de coisas, acerto sempre ao lado, mas parece que desta vez correu bem ahahah

    ResponderEliminar
  3. São mesmo bons momentos como esses :)
    Gostei do pormenor das flores!

    r: Muito fixe! Parece ser super interessante essa disciplina, não me importava de a ter. É como dizes, o importante é saber analisar o criminoso, perceber aquilo que ele não deixa transparecer. Gostava de estudar os comportamentos de uma pessoa e coisas assim relacionadas. Ainda bem que gostas do que fazes, realmente parece ser uma curso "jeitoso". Medicina legal? É algo que também me chama imenso à atenção, mas não sei qual a diferença entre esse e ciências forenses, supostamente em Biologia e Bioquímica dá para seguir ciências forenses.
    A sério? Não fazia a mínima ideia. Eu acho que nas escolas deviam informar os alunos sobre estas coisas, é que não sou só eu mas também os meus amigos, não sabemos nada disto :s

    ResponderEliminar
  4. Isso é tão bom, Bons momentos em família.
    r: muitas pessoas não gostam, ora porque é muito romântico ora porque não relata a realidade entre outras razões. Sugeres algum autor?

    ResponderEliminar
  5. Olha, eu nunca liguei muito a flores, não sei porquê :p O teu blog está todo cutchi!
    r: Mal...O de matemática nem era complicado, andei a fazer asneiras óbvias e lá se foram exercícios inteiros...Português preciso mesmo como P.I e estou a ver que tenho de repetir...E a ti?

    ResponderEliminar
  6. Ahahah, quem não gosta querida?! :D

    Momentos desses em família são tão bons. Eu adoro quando nos conseguimos reunir todos. É tão reconfortante!

    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar

Não me diga que o céu é o limite, quando há pegadas na Lua.

Devaneia para a frente*
Os comentários serão respondidos no teu blog, se demorar muito... a culpa é da falta de tempo e/ou da preguiça!