People Change!


No início, esta coisa de conduzir era a modos que "complicada" para mim. Não gostava nada, ia para as aulas de condução de arrasto, sem apetite nenhum. Mais para o fim das aulas eu fui ganhando gosto, sabia-me bem conduzir. Um pouco antes de ir a exame de condução a minha tia e o meu avô deram-me um carro, era um smart, uma marca que a minha mãe e a minha tia adoram, mas eu nem tanto... Mas ei! Era um carro, e eu fiquei eufórica, com o tempo, mais uma vez, fui aprendendo a gostar do carro. Adorava ir sozinha para as reuniões e os ensaios ao sábado no meu smart, porque conduzir tornou-se das melhores sensações de sempre, é indescritível. Há uns meses atrás a minha tia começou a ver os fiat 500 e a dizer "És tu que dizes que gostas muito deste carro não és? Um dia destes ainda te dou um, novinho que assim não te dá problemas!", isto porque o smart era usado e deu-me muitos problemas, mas muitos mesmo... Ele era o tejadilho que não abria, ele era a luz amarela que acendia, ele era o deixar de acelerar... Enfim! Há nem um mês fomos à matrizauto ver os preços e eu vi um Fiat 500 Couper preto, com o tejadilho vermelho e disse à minha mãe "Mãe! Foi este que vimos na net! Não é lindo?", vou dizer-vos algo... A minha mão adora vermelho e preto, a nossa casa é toda à base destas cores, escusado será dizer que adorou o carro, mas não tanto quanto eu! A minha tia viu o preço e começou a fazer perguntas sobre créditos e afins ao rapaz, passado pouco tempo chega o patrão dele "Só para avisar que só há 2 carros desta edição cabrio, preto e vermelho. E um acabou de ser fechado negócio." ou seja, só tinha um e eu estava a ficar muitoo triste. A minha tia disse "Não temos aqui os documentos e eu tenho que falar com a seguradora, amanhã vimos cá e vamos rezar que o carro cá continue!". E assim, foi, no dia seguinte lá fomos, tive de esperar uma semana para o puder trazer embora porque como era mesmo novo tinha de esperar pela matrícula. Já o tenho nas minhas mãos há umas três semanas -não sou nada boa de datas- e o início foi complicado digamos... É a gasolina então ele ia abaixo imensas vezes, principalmente em subidas obviamente, e confesso que ganhei medo. Mas a semana passada decidi vencer esse medo e fui à depilação sozinha nele, sem mãe, sem nada, a verdade é que entendi perfeitamente as manhas do carro e tenho um maior "controlo", agora não quero outra. Todos os dias pergunto à minha mãe se ela tem de ir a algum lado e se precisa de boleia! Cada vez adoro mais conduzir, é uma bela maneira de aliviar o stress e mesmo não o tendo, de me fazer sentir bem.

19 comentários:

  1. Eu gosto de conduzir...

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Esses carros são tão fofos!
    Eu tenho muito medo de conduzir, odeio mesmo! Sempre que tenho que conduzir fico mal disposta e até nem durmo bem :/ ainda bem que superaste esse receio. Sigo*

    ResponderEliminar
  3. Conduzir deve ser uma sensação e tantas.
    Bjs

    ResponderEliminar
  4. o fiat 500 é de longe o meu carro de eleição, mas infelizmente não tenho dinheiro suficiente para um, nem mesmo a prestações :( adorava ter um azul bebe com a capota creme, era mesmo a minha cara! enquanto não o tenho, divirto-me com o micra vermelhinho da minha mãe, a-d-o-r-o conduzir!!

    gostei muito do teu post, beijinhooos

    ResponderEliminar
  5. Carrinho novo? Parabéns :)
    Agora, toca a por o pé no acelarador ;D

    ResponderEliminar
  6. Passei aqui para dizer que as músicas aqui é do melhor! Bom gosto :)

    Beijos, Mýa ❤

    ResponderEliminar
  7. Sortuda! :P Eu ando a juntar todos os tostões para um que tbm conduzo uma lata velha que agora é que se lembrou de ter todos os problemas de uma vez-.-

    ResponderEliminar
  8. Ps. Também ia para as aulas sem ânimo nenhum porque o instrutor tbm era um bocado parvo agora adoro conduzir. Andei umas semanas com o Polo da minha mãe...que medo. A gasolina, mais "moderno" que o meu monte de sucata, quando voltei para o meu foi de má vontade :P

    ResponderEliminar
  9. Não consigo gostar de conduzir nem um bocadinho!

    ResponderEliminar
  10. Bem... eu sou uma recente nisto visto que tirei a carta só esta semana, mas ja estou a adorar ahah

    ResponderEliminar
  11. Concordo contigo!E também me aconteceu algo do género ahah.

    ResponderEliminar
  12. Eu estou agora a tirar o código e mortinha para ter a carta nas mãos e poder ter um carro só para mim :)
    Tens sorte em ter um carro que gostes de conduzir, principalmente um tão giro ahah ;)

    ResponderEliminar
  13. eu sinceramente, é uma coisa que nem gosto nem desgosto... Faço porque tenho que fazer! Mas também não me importo nada de o fazer :)

    ResponderEliminar
  14. R: a serio querida? dói mesmo, e cada vez dói mais, e são poucas as pessoas que compreendem aquilo que sentimos.
    Elas vão estar sempre ao nosso lado, sempre a acompanhar todos os nossos bons e maus momentos!
    Força!

    ResponderEliminar
  15. Que bom, fico mesmo feliz por ti :)
    Espero que quando acabar a carta tenha o mesmo gosto que tu pela condução, agora ando super desanimada!
    r: Ainda bem que correu tudo bem à segunda, também à primeira se calhar o mal foi não teres ido às aulas todas :/
    Aqui também funciona assim, nós levamos o carro até ao centro de exames mas, o problema é que há dez caminhos diferentes. O examinador é que escolhe na altura qual dos caminhos é que quer fazer. Assim, para conhecer algumas zonas é preciso comprar aulas...

    ResponderEliminar
  16. o carro deve ser super giroooo! :o e eu que não tiro a carta porque tenho medo de ter acidentes ahaha

    r: não sabias que o shawn é meio português? olha aqui ele e a avó, e a avó a falar português: https://www.youtube.com/watch?v=mCt3AIIvcxs "tens aqui uma avó toda jeitosa" ahahaha a família dele é de lagos!

    ResponderEliminar
  17. Identifiquei-me com a parte de quando ias para as aulas de condução de arrasto, acontecia-me o mesmo ao início, mas agora também comecei a ganhar o gostinho :) e Fiat 500 é o carro que adorava ter :p

    ResponderEliminar

Não me diga que o céu é o limite, quando há pegadas na Lua.

Devaneia para a frente*
Os comentários serão respondidos no teu blog, se demorar muito... a culpa é da falta de tempo e/ou da preguiça!