Eu sei que sou uma lamechas


(sqn)
Hoje eu estou a ouvir cidade na rádio da tv (porquê que nos rádios da nos, e provavelmente da meo e afins, não há megahits?!) e está um sol lindo lá fora, está a entrar uma brisa tão boa pela janela da minha varanda, portanto... Hoje estou inspirada para ficar pela blogo e para aproveitar a tarde a ver vídeos no youtube. Sendo assim, preparam-se porque os vossos cantinhos vão ser atacados por mim*

Mas passando ao ponto deste post:
As viagens de carro até ao cinema e do cinema até casa foram uma loucura mas à vinda embora começou a dar esta música no rádio do carro do Toby e ele fez questão de colocar mais alto e dizer para a gente ouvir. Portanto, vou partilhar a música convosco, caso alguém não a conheça: preparem-se para viciar. E dêem-se por felizes por estar a partilhar isto aqui porque eu nem sou muito de músicas românticas mas esta está mesmo linda! Vejam, vejam.


20 comentários:

  1. Adorei a música!

    r: Não, não falei na Dafne lá no mail. A Dafne era a minha melhor amiga, aliás, foi desde o 13 até aos 18 a minha melhor amiga.
    Eu tenho imenso tempo, porque só trabalho 3h por dia, filha. Temos de ver uma horita... Porca do meu coração, atenção. xD
    Não é patrão, é o meu formador!
    Não, não é. O Eric também foi o meu melhor amigo desde os 14 aos 18 anos...

    ResponderEliminar
  2. r: Imagino ahah
    Se tiveres dúvidas, vais lá às etiquetas e lês cada nome e percebes tudo!
    Acho muito bem!

    ResponderEliminar
  3. Não é muito o meu estilo mas é bonita :)

    ResponderEliminar
  4. r: é mais ou menos isso ahah. confusa em vários sentidos :)

    ResponderEliminar
  5. r: o problema não é as pessoas da minha turma que, se queres que te diga, são cinco estrelas. o problema são as raparigas do meu piso na residência que só agora é que se estão a começar a mostrar ! juro-te que odeio pessoas.
    ele é o melhor de todos ❤

    ResponderEliminar
  6. É muito bonita!

    r: Obrigada :)

    Ainda não cheguei a concretizar, mas enviar uma mensagem numa garrafa era algo que adorava fazer.

    Devíamos pensar todos assim, só dessa forma nos conseguiremos superar.

    É mesmo, sobretudo quando as pessoas nos pedem opinião e não a querem realmente ouvir

    Muito obrigada, minha linda *.*

    Também sinto algumas vezes, mas é como aquela frase diz «se der medo vai com medo mesmo» (ou algo do género). Temos que fazer o máximo possível para que esse receio não nos impeça de avançar.

    Fazem mesmo!

    Concordo contigo

    ResponderEliminar
  7. não ao certo, mas mais ou menos desde novembro ( mais coisa menos coisa ) porque? :p
    Obrigada querida : )
    Uhhhh, deve ser brutaaal

    ResponderEliminar
  8. Pois aqui não é jantar, é todo o dia e cada dia que passa se torna mais complicado...

    ResponderEliminar
  9. Fico tão feliz que tenhas gostado querida, está simples mas está lindooo ( continuo a babar-me com o meu blogg e com o meu tumblr +.+ ) tem a ver com o meu casal preferido +.+

    ResponderEliminar
  10. r :: o problema é que é bem mais fácil falar do que fazer, são momentos que nunca vou esquecer e que por mais parva que ela seja esses bons momentos são sempre um motivo para justificar as coisas que ela faz :\

    ResponderEliminar
  11. r :: história reduzida : sabes aquelas coisinhas nos bolos de aniversário que fazem faísca? peguei numa coisa dessas que não me apercebi que estava bastante quente :s

    ResponderEliminar
  12. Mas enfim tudo há de passar ( espero )
    Eu agora tenho o CD, não paro de o ouvir
    podes crer, eu adoro as cenas assim simples mas que fiquem lindaaas
    Adoro tanto este casal +.+
    claro !

    ResponderEliminar
  13. Eu comecei a ouvir quando eles começaram a dar na cidadefm, e a primeira música que ouvi foi na cidadefm e foi a popless

    ResponderEliminar
  14. preparando para viciar MESMO! xD (ps: na meo, há megahits :p)

    ResponderEliminar

Não me diga que o céu é o limite, quando há pegadas na Lua.

Devaneia para a frente*
Os comentários serão respondidos no teu blog, se demorar muito... a culpa é da falta de tempo e/ou da preguiça!